ERA UMA VEZ NO BAR

Esses dias aconteceu algo muito interessante, eu estava em um bar com um grupo de amigos e uma conhecida minha começou a conversar comigo sobre o quanto se sentia pronta para um relacionamento, mas fazia tempo que não encontrava ninguém que a empolgava.

Aí falamos um pouco sobre isso até que a parada ficou interessante, quando ela fez o seguinte comentário – “Bru, é parecido com o empreendedorismo não acha?”

Eu fiquei bem curioso confesso, na hora pensei, opa aí vem algo intrigante, como assim essa situação se parece com o empreendedorismo, eu comentei…

Ela respondeu – “Ora, preciso estar pronta para quando a pessoa certa chegar, no empreendedorismo você não precisa esperar a oportunidade certa aparecer.”

Kkkkkk você pode começar a rir comigo, mas foi sem querer, eu respondi tão rápido que não pensei direito, mas ficou engraçado e acabou gerando um impacto importante, imagine aquela voz num tom mais rápido e forte, eu falei: – “Claro que NÃOOOOO, tá doida, só se quiser morrer de fome… Talvez no outro caso afunde encalhada como um Titanic”.

kkkkk Ela tomou um susto e eu também e começamos a rir… Aí ela me pediu para explicar.

EMPREENDEDORISMO E RELACIONAMENTOS

Eu falei: – “Bom, não entendo sobre a questão de relacionamentos, mas vamos ao empreendedorismo. Quando você está esperando, significa que você vai escolher apenas sobre aquelas oportunidades que venham até você (o que já é um número pequeno), e agora precisamos lembrar que nem todas você percebe, outras sim (e a probabilidade de dar certo, fica bem menor). Então dá pra perceber o quanto é limitado esse universo.”

Agora se você tem realmente um perfil de empreendedora, você vai começar a correr atrás das coisas que lhe interessam, vai acompanhar mais de perto determinado setor, falar com mais pessoas, compreender determinadas situações, ampliar seu networking. Você vai tomar uma série de atitudes que vão ampliar sua percepção e consequentemente as oportunidades existentes, até criar aquela que acredita

depende de você, não do que vem até você.

ideias n nascem prontas

No âmbito do relacionamento eu não entendo muito, mas se você ficar aqui sentada e apenas um cara vier falar com você, qual escolha você tem além de sim ou não para ele. Mas, se você não ficar esperando e puxar assunto com homens interessantes seja no grupo de amigos, seja no bar, ou em alguma outra ocasião, quais são as chances de ao menos conhecer mais pessoas e poder ter mais condições de escolher alguém para começar a ver novamente, e conhecer melhor? Bom, esse não é o meu assunto, mas no empreendedorismo eu lhe dou certeza, ficar esperando oportunidades é um suicídio lento. É ir contra o princípio empreendedor de partir pra cima e fazer acontecer.

E aí você está esperando algumas coisas acontecerem ou tá fazendo algo a respeito?

Esse vídeo complementa o assunto:

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário